quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018

Brasão de Armas Pessoais de Albino Neves, Grão-Prior do Brasil e Legado Magistral da OSMTH


Brasão de Armas Pessoais e Civis
de Albino Neves,
Grão-Prior do Brasil, Legado Magistral da OSMTH

Esquartelado: I - Neves (de Albino Neves): de campo de verde, Cordeiro de Deus (agnus Dei) de prata sobre um monte do mesmo metal, ladeado à dextra por um báculo de ouro e à sinistra por uma espada de prata guarnecida de ouro abatida, em chefe uma vieira de peregrino de ouro; II - Ferreira; III - Rodrigues; IV - Tavares; elmo de prata a 3/4, tauxeado e gradeado de ouro e forrado de vermelho, coronel de florões templários (cruzes orbiculares) de prata, timbre de Neves (de Albino Neves); paquifes de prata forrados de verde; correias de verde perfiladas de prata, fivela, tachões e ponteiras de ouro. Colar de Grão-Prior (do Brasil) e pendente da Ordem do Templo.



quinta-feira, 4 de janeiro de 2018

Armas de Paulo Jorge Coutinho Prazeres


Brasão de Armas Civis de
Paulo Jorge Coutinho Prazeres,
Senescal do Grão-Priorado do México
e Perceptor do Estado de Queretaro de Arteaga:

Esquartelado: I - VIEIRA: campo de vermelho carregado com seis vieiras de ouro postas 2, 2, e 2; II - COUTINHO: campo de ouro carregado com cinco estrelas de cinco raios de vermelho postas em sautor; III - ARAÚJO: campo de prata com aspa de azul carregada de cinco besantes de ouro; IV - ALONSO (da Galiza): esquartelado: 1 e 4 - campo de vermelho, carregado com um castelo de ouro aberto e iluminado de azul; 2 e 3 - campo de azul com uma flor-de-lis de prata; elmo de prata a 3/4 tauxeado de ouro e forrado de azul; virol e paquifes de ouro forrados de vermelho; timbre de VIEIRA: dois bastões de peregrino de vermelho guarnecidos de ouro cruzados em aspa sustendo uma vieira de ouro; colar de Grande-Oficial da Ordem do Templo (OSMTH) com troféu e pendente.


quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

Exercício Heráldico Sá Moreira


Exercício Heráldico Sá Moreira
au Balón (ou à Valona)

Esquartelado: I e IV - Moreira: campo de vermelho com nove escudetes de prata equipolados, carregados com uma cruz florenciada de verde; II e III - : enxaquetado de prata e azul; seis escaques em faixa e sete em pala; Elmo de torneio (boca de sapo) de prata perfilado de ouro; virol e paquifes de prata; timbre de Moreira: lobo de vermelho sainte, com um escudete de prata carregado com cruz florenciada de verde, na espalda; armado e lampassado do mesmo; correias de vermelho perfiladas de prata, tachões e ponteiras de ouro.


Exercício Heráldico Sá Moreira
Representação simplificada,
sob as leis fundamentais da Heráldica Portuguesa.

Esquartelado: I e IV - Moreira: campo de vermelho com nove escudetes de prata equipolados, carregados com uma cruz florenciada de verde; II e III - : enxaquetado de prata e azul; seis escaques em faixa e sete em pala; timbre de Moreira: lobo de vermelho sainte, com um escudete de prata carregado com cruz florenciada de verde, na espalda.

sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Cavaleiros e Dama Grã-Cruzes da Ordem de São Maurício e São Lázaro


Dom Duarte de Bragança
Armas do Reino de Portugal


António de Sousa Lara
Conde de Guedes e Marquês da Casa de Lara
Esquartelado: I e IV - Albuquerque; II e III - Guedes, coronel de Conde.


Dona Isabel, Duquesa de Bragança
Lisonja partida: I - Armas do Reino de Portugal; II - Herédia


Dom Miguel de Bragança, Duque de Viseu, Grande-Oficial
Armas do Reino de Portugal,
com lambel de ouro,
Armas do Império do Brasil no primeiro pendente

quinta-feira, 2 de novembro de 2017

Exercício Heráldico com lisonjas


Lisonja esquartelada de senhora solteira
Apelidos Paternos: I - Araújo; II - Mendes;
Apelidos Maternos: III - Andrade; IV - Gaspar
(alusão às armas do Rei Mago Gaspar: 
de campo azul com nove estrelas de oito raios de ouro equipoladas)


Lisonja esquartelada de senhora solteira
Apelidos Paternos: I - Araújo; II - Mendes;
Apelidos Maternos: III  - Gaspar
(alusão às armas do Rei Mago Gaspar: 
de campo azul com nove estrelas de oito raios de ouro equipoladas)
IV - Andrade.

quarta-feira, 28 de junho de 2017

Conde de Santa Eulália e casa da Boavista, Refóios do Lima.


Conde de Santa Eulália (II)

Partido à sinistra: I - Esquartelado: 1 - Queirós; 2 - Sotomaior; 3 - Ribeiro (outros); IV - Almeida; II - Vasconcelos; Coronel de Conde; Timbre de Queirós. Foi o 1º Conde de Santa Eulália (na sua família), Aleixo de Queirós Ribeiro de Sotomaior de Almeida e Vasconcelos, pelo Decreto de 03 de Setembro de 1908, de D. Manuel II. (Ex-Lbr.PtHrd-14-41).


Brasão de Armas da Casa da Boavista, Refóios do Lima, Ponte de Lima
onde nasceu o 1º Conde de Santa Eulália.

Esquartelado: I - Freitas; II - Malheiro; III - Gouveia; IV - Coutinho; timbre de Freitas. Informação fornecida pelo genealogista José Aníbal Castro Marinho Soares Gomes.

sexta-feira, 6 de janeiro de 2017

Armas de (Don) André Araújo Lopes Chora Cardoso


Armas de André Araújo Lopes Chora Cardoso

Esquartelado: I - Cardoso; II - Chora (de Bizâncio); III - Lopes; IV - Araújo; Elmo de prata a 3/4, tauxeado e gradeado de ouro e forrado de azul; virol e paquifes de ouro forrados de vermelho; coronel de nobreza e timbre de Cardoso; correias de vermelho perfiladas de ouro, fivela, ponteiras e tachões do mesmo; Colar da Venerável Ordem do Hospital de São João de Jerusalém (MVOHSJJ).